quinta-feira, 5 de abril de 2012

PORTO DE LISBOA NOSTALGICO – 4

Trafego fluvial /Armandio Serôdio e Horácio Novais - brochora CML /.

Cais da Ribeira Nova, porto de Lisboa, 1955. Entre várias embarcações distingue-se o batelão COSTA NOVA, ainda com mastro e paus de carga / autor desconhecido - foto amavelmente cedida por Nuno Bartolomeu, Almada /.



Transbordadores vulgo Cacilheiros cruzando o estuário do Tejo em 07/1975 / autor Rui Amaro /. 

Doca da Rocha 1958 - distingue-se um navio da Wilhelm Wilhelmsen, Kragero, e os rebocadores Dom Luiz, Cabo Raso e Cabo de Sines, além cábrea ANTÓNIO AUGUSTO DE AGUIAR / Autor desconhecido - foto cedida por Nuno Bartolomeu, Almada 

/.
Graneleiro RIO ZAMBEZE em operações de descarga no Mar da Palha, Porto de Lisboa, 1981 / autor desconhecido - foto gentilmente cedida por Nuno Bartolomeu, Almada /.

CORRIENTES – navio de passageiros e carga, imo /149,8 m/ 12.053gt/ 17 nós/ 1.634 passageiros/ 192 tripulantes; 07/02/1942 lançado á agua pela Tacoma Shipbuilding Corporation, Tacoma, como MORMACMAIL para Moore McCormack Lines, EUA; 03/1942 entrtegue por Willarnette Iron & Steel como porta-aviões de esolta para a US Navy como AVG-6, classe Bogue, 1943 transferido para a Royal Navy como HMS TRACKER D24; 1948 comprado pelo Rio de La Plata SA de Navegación de Ultramar (Dodero), Buenos Aires, e rebaptizado de CORRIENTES, juntamente com sua irmão gémeo SALTA; 1955 CORRIENTES, Flota Argentina de Navegación de Ultramar (Fanu); 24/03/1961 CORRIENTES, ELMA - Empresa Lineas Maritimas Argentina SA, Buenos Aires; 1964/01/08 arribou a Lisboa, devido a sérios danos nos motores; 1964 chegou Antuérpia para desmantelamento.
Os dois gémeos CORRIENTES e SALTA escalavam o movimentdos porto de Lisboa com muita regularidade.


 O paquete CORRIENTES no porto de Lisboa / F. Cabral, Porto /.

YAPEYÚ navio de passageiros e carga YAPEIÚ, 158,57m / 11.540tb / 753 passageiros / 165 tripulantes; 1951 entregue por NV C. van der Giessen & Schepswerven Zonen, Krimpen, â Flota Argentina de Navegación de Ultramar (Fanu), 24/03/1961 YAPEIÚ, ELMA - Empresa Lineas Maritimas Argentina SA; 1968 PETREL, Transportes Oceanicos SA, Buenos Aires, convertido em transportador de gado por Samyn, Buenos Aires, 1973 PETREL, Transagro SA Naviera Agro Pecuaria Claussen, Dinamarca, 1974 CREMONA, Cormoran SA, Singapura, 1976 mesmo proprietário, rebaptizado de IRAN CREMONA; 1980 chegou Kaohsiung para desmatelamento.
O paquete YAPEIÚ foi um visitante regular do afamado porto de Lisboa, nas suas viagens do Rio da Prata para Europa e vice-versa.


  O paquete YAPEIÚ no porto de Lisboa / F. Cabral, Porto /.

Fontes: Miramar Ship Index-
Rui Amaro

1 comentário:

Sara disse...

A verdade é que é muito semelhante ao antigo porto de Buenos Aires é uma cidade que eu espero encontrar em algum ponto eu acho que temos que ser capazes de atender a essas cidades, eu espero encontrar um Apartamentos em buenos aires