sábado, 2 de maio de 2009

HOXE IMAXES NO MARIN, VIGO, CERVEIRA E VIANA DO CASTELO - TALL SHIPS ATLANTIC CHALLENGE 2009



O lugre-motor SANTA MARIA MANUELA em acabamentos nas instalações da Factoria Naval de Marin. Imagem obtida através da vedação de grades.


Iate de recreio espanhol não identificado velejando na vasta ria de Vigo.

http://www.tallshipsraces.com/atlanticchallenge/vesseldata.html







Imagens do navio-escola russo KRUZENSHTERN no porto de Vigo, a fim de tomar parte na regata "Tall Ships Atlantic Challenge 2009"


Os navios-escolas franceses BELLE POULE e ÉTOILE; inglês SPIRIT OF BERMUDA e um espanhol não identificado no porto de Vigo, a fim de tomarem parte na "Tall Ships Atlantic Challenge 2009".


O ketch inglês JOLIE BRISE no porto de Vigo, a fim de tomar parte na "Tall Ships Atlantic Challenge 2009".

A embarcação inglesa NORDWEST no porto de Vigo.


Patrulha espanhol P74 ATALAYA no porto de Vigo e as ilhas Ciés.

O transbordador local espanhol MAR VIGO no porto de Vigo.

O tansbordador local espanhol PIRATA DE ONS no porto de Vigo.


O transbordador local espanhol MAR DE ONS no porto de Vigo.


O transbordador local espanhol ARROIOS no porto de VIgo.


Vista do porto de pesca e serviços de Vigo.




A lancha dos Práticos CABO MAR BORNEIRA do porto de Vigo e uma segunda não identificada.


Navio balizador espanhol RIAS BAJAS do porto de Vigo.



A lancha de fiscalização fluvial portuguesa NRP RIO MINHO (P370) junto da sua base de Vila Nova de Cerveira, Rio Minho.


A antiga torre de vigia dos pilotos da barra de Viana do Castelo, que servia de estação dos mesmos.


O tão badalado e interessante transbordador português ATLANTIDA acostado ao cais de amarração do ENVC, Viana do Castelo, a aguardar a sua sorte.
imagens (c) Rui Amaro /01-05-2009/.
Rui Amaro

3 comentários:

Anónimo disse...

testing

Manuel disse...

Caro Rui Amaro, parabens pelo mágnifico blog que já visito á bastante tempo, mas hoje decidi deixar um comentário, aprecio muito a maneira como escreve e sábia como o faz, um autêntico livro de História, quanto ao Atlantida ( sou Açoreano ) é uma história triste para todos nós ( Portugueses).
Um grande abraço desde a Ilha Graciosa Açores
Manuel

Rui Amaro disse...

Olá Manuel
Muito grato pela elogiosa mensagem a qual me deu a conhecer o seu excelente blogue, que passarei a visitar com bastante assiduidade e interesse. Pois é os Açoreanos ficaram sem a presença de dois transbordadores pelas razões que lhes assiste e muito possilvelmente o ATLANTIDA ainda vá parar ao desbarato a algum armador grego ou filipino, mas contratos são contratos e são para se cumprir.
Saudações maritimo-entusiásticas
Rui Amaro